3 Dicas Básicas sobre Criatividade Católica

  • gba_insightgba_blog_3dicascc

Hey Criativos! Hoje tem post novo no blog da GBA e desta vez com uma surpresa: lançamento da INSIGHT GBA, uma série de conteúdos formativos sobre design, comunicação e criatividade. 

Para quem não sabe, Insight é uma palavra em inglês, muito comum entre criativos publicitários e significa ‘estalo’; ‘luz’; ‘iluminação’; ‘clareza súbita da mente’, ou seja, vamos te dar dicas e ideias de como melhorar a criatividade de seus projetos!
Neste primeiro post: 03 dicas básicas sobre Criatividade Católica! A proposta é fazer você refletir antes de criar, pensar sobre o seu projeto antes de realmente colocar o lápis no papel ou abrir o seu photoshop.
Organizar as ideias, montar um briefing, ter um mapa de referência e outras estratégias que falaremos mais por aqui são essenciais para que seu projeto não seja apenas uma “arte” bonita, mas que também dê resultado.
Então, vamos lá às 03 dias básicas sobre Criatividade Católica!

1. DOMINE O SEU CARISMA! 
Durante esses anos que trabalho com comunicação católica, sempre faço perguntas sobre os projetos que crio e uma das primeira é “Qual é o seu carisma e sua missão?”, muitos respondem: “evangelizar e anunciar o amor de Deus para as pessoas”. Essa resposta não está errada, porém, este é o chamado para todos nós e o que vem além disso?
Dominar o seu carisma, significa saber com profundidade o seu chamado e entender como Deus quer que você evangelize e anuncie este amor. Seus projetos devem transbordar o seu carisma, sua comunicação não pode mentir e nem propagar algo que você não é.
Se você ainda não entendeu com profundidade este chamado, busque e peça orientação. Mas, se você já sabe, aprofunde-se nele e deixe Deus trabalhar a sua criatividade!

2. REFERÊNCIAS ONTEM, HOJE E SEMPRE! 
Já dizia Antony Lavoisier: “Na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma!”. Por mais que ele seja um cientista, essa regra se aplica até na comunicação.
Deus é quem tem poder criativo, nós apenas trabalhamos com ela e por isso ter referências para seu projeto é mais que essencial!
Conhecer projetos semelhantes, linhas de design e comunicações já existentes nos dão um parâmetro de como devemos estabelecer nosso projeto. Afinal, elas já trilharam o caminho e com eles podemos aprender os erros e acertos para que nossa comunicação seja mais eficiente e assim se destaque das demais.
Nunca crie nada sem referência! Faça uma pesquisa, monte um mapa de tudo que coletou, estude cada um deles, entenda os elementos e as cores, os sentidos de leitura e os efeitos. Quanto mais se entender sobre cada projeto, melhor será na criação do seu projeto.

3. ENTENDA SEU PÚBLICO!
Por mais que o projeto salvífico de Jesus seja para todos, precisamos entender que a Igreja possui diversos movimentos, comunidades e espiritualidades que atingem às diferentes realidades e você precisa entender onde o seu carisma alcança e falar diretamente com este público.
Como é formado seu público? Idade? O que ele faz? Onde mora? Qual a realidade financeira? Qual a rotina? O que eles gostam? O que eles não gostam? Como rezam? O que consomem dentro e fora da igreja? Estas e outras séries de perguntas devem nortear o seu trabalho, pois a sua comunicação deve ser objetiva e assertiva para atingir diretamente este público. Senão são apenas tiros dados aos ventos.
Conhecer com profundidade este público trará resultados mais reais em sua evangelização e você saberá trabalhar melhor os elementos e a forma de linguagem em sua comunicação.
Com esses 03 passos básicos você consegue ter uma noção muito melhor de como começar qualquer projeto de comunicação e ter sucesso sobre eles!
Obrigado pela atenção e não esqueça de deixar seu comentário se houver alguma dúvida.
Deus abençoe.

Fer Mininelli
Diretor Criativo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log in